Pesquisar neste blogue


RockYou FXText -

sexta-feira, 14 de novembro de 2008

QUEM - ME - QUER ??

BLOGAGEM COLECTIVA SOBRE ADOPÇÃO de Crianças e Jovens

Hoje este post é diferente.Não vou mostrar fotos (não posso !!)nem dar receitas,muito menos PAP´s. Mas vou falar-vos de tecer,não com fios e agulhas de tricot ou crochet.
Tecer laços e abraços,pequenos pedaços de afecto,desfazer nós que se querem misturar na trama. E de AMAR,amar perdidamente.Sem reservas,incondicionalmente.
ADOPTAR é tudo isto e muito mais.Uma aventura que começa no coração,uma ideia que fica ali,à espreita de uma oportunidade,um MOMENTO.
Mas Só Amor,Não Basta ! É preciso juntar coragem,muita,mesmo muita.

Esta história começa num qualquer dia da semana,com um telefonema.Oficialmente,claro.
Nome,idade,profissão....blá,blá,blá.Nada pode falhar,buscamos a MÃE PERFEITA.
Pequenina??? Que pena...
Dois dias depois toca o telefone de novo.Ah,ainda está interessada??Pois ,afinal a pequenina
está disponível de novo.
Hoje,preciso de um dia,para preparar a casa,as coisas.(Silêncio)
Novo telefonema:-Pois,a srª diz que não pode continuar,não se adapta a esta.Não dá,nem por mais um dia!
( Enfim o Test-DRIve tinha corrido mal !!)

NEM UM DIA?? ENtão VENHA HOJE ;AGORA !!
Duas horas de espera,seis anos de luta,serrada e surda.

Tudo legal,claro e transparente.No compasso de espera,o confronto,o abanar de cabeças,até o virar de costas.Afinal,se já tem filhos,para que é que quer mais esta?
Grávida,AGORA?? Então,vai desistir??^NÃO ! !!!!!

No fim,mais uma perguntinha,desta vez aos filhos:-Então,querem que a vossa mãe adopte esta menina?? E se faltar dinheiro para as vossas coisas??
Resposta pronta:-SE FALTAR ,a NOSSA MÃee tem AMOR QUE BASTE !!

Desta forma simples,tranquila e generosa,como só as crianças sabem,tornámo-mos oficialmente,uma família de 6.
Fácil??Sim se tivermos amor que baste.Hoje mesmo,começaria tudo de novo.

*este é um post temporário,pela crueza que envolve.Agora que finalmente em Portugal pensam simplificar a ADOPÇão e até disponibilizar um manual,não quis deixar de partilhar convosco este PEDAÇO DE NÓS e da nossa aprendizagem de vida.

13 comentários:

  1. Olá
    Quero dizer-te que apesar de não a conhecer, já a admiro! E a si e à sua familia!

    Não fui adoptada nem tenho irmãos adoptados. Crescemos com muitas dificuldades, eu e o meu irmão, privados de muitas coisas, excepto do amor e carinho dos nossos pais.

    Bjs
    Lina

    ResponderEliminar
  2. É uma história linda! Gostei muito !
    Respondi à tua questão no meu blogue e deixo-a aqui:
    Zabelinha:
    Bem vinda a esta casa!
    Tenho acompanhado a blogagem sobre a adopção e tem sido muito bom, pois ao ler outras experiências e partilhas, tem-me ajudado a mim também a crescer e a aprender.
    É sempre bom continuar a fazê-lo.
    foi uma excelente iniciativa da Georgia!
    um abraço e volta sempre! :))

    ResponderEliminar
  3. ola madrinha se ja te admirava ,agora entao...es super,e pelo que me tenho apercebido mae galinha e super preocupada,é com orgulho que te chamo amiga.mil beijocas

    ResponderEliminar
  4. Esses seus filhos valem ouro, rs.

    Uma linda experiência de vida a sua e obrigada por compartilhar conosco por aqui.

    Um abraco e bom fim de semana

    ResponderEliminar
  5. Olá Isabel!

    Estes últimos tempos tenho seguido com relativa atenção a adopção e quero mostrar a admiração que tenho pelas pessoas de coração tão grande que conseguem partilhar igualmente o seu amor e tornar uma criança mais feliz.O meu abraço por ser uma delas!
    bjs
    Nélia

    ResponderEliminar
  6. Já admirava essas mãos e o sentido de partilha, agora tenho gratidão pela sua alma e pelo amor incondicional que espalha! Não é por acaso que foi escolhida para ser novamente MÃE! Bem haja!
    Bjs
    Diana

    ResponderEliminar
  7. Olá Isabel,
    Ao ler-te emocionei-me pois senti-te escrever exactamente como as ideias te vinham à cabeça. Vieram-me as lágrimas aos olhos, pela vossa determinação, pela paciência, pela coragem, pelo imenso amor! Desejo-vos as maiores felicidades do mundo.
    Um beijão para ti e esta tua família maravilhosa

    ResponderEliminar
  8. Muita gente diz que blogagem coletiva não tem importância, porque não gera efeitos práticos.

    Eu discordo, especialmente com o que representa ESTA blogagem sobre a adoção.

    Isso porque, o grande efeito desta blogagem é fazer com que uma pessoa que esteja pensando em adotar, tenha subsídios para decidir pelo sim ou pelo não, em razão do fato de que os muitos post sobre ela, mostram as várias faces da questão.

    ResponderEliminar
  9. Olá, Isa.

    Que lindo Post!!
    Bom final de semana.
    bjos.

    ResponderEliminar
  10. Obrigada!!!!!!!!!!!!!!!!Afinal, não estou só!

    ResponderEliminar
  11. ola amiga***
    dcpa so comentar agora tenho tido a net marada...
    tira-me uma duvida:porque post temporario???e porque crueza de palavras??? o k escreveste foi sobre o amor, o amor verdadeiro que se pode sentir por outro ser humano, um amor que muitas poucas pessoas o sentem e muitas poucas pessoas tem a coragem de dar...
    e tiveste muita sorte pelos filhos que tens e pelo carinho incondicional que eles tem e deram a naninha deles sim porque ela é a maninha deles digam o que disserem e quiserem e da mesma maneira que é a irma deles, é tua filha e nao filha adoptiva...
    espero que esteja tb bem contigo e com o pexoal ai de casa
    bjs enorme s exeios de saudades,Dora

    ResponderEliminar
  12. Grata pela visita lá no Acqua e pelo seu gentil comentário. Adorei o seu blog, fui lendo e lendo e quando dei por mim já havia "virado" as muitas páginas...
    Sua história me levou a uma reflexão lenta e necessária. Acho que o amor faz a diferença em nossas vidas e em nosso cotidiano.
    Abraços meus

    ResponderEliminar

Obrigada pela visita...
Gosto muito da vossa companhia!!!